Lançado novo volume da Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida – LALCA

Publicado dia 04/10/2018

Submissões estão abertas e são contínuas. Acesse, leia e saiba como participar com artigos nas próximas edições

Está disponível o segundo volume da Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, a LALCA. Neste número temos três artigos, com diferentes abordagens sobre Avaliação do Ciclo de Vida (ACV).

O primeiro texto, Revisão das considerações metodológicas utilizadas nos estudos ambientais com abordagem de ciclo de vida sobre a produção de microalgas com fins energéticos, de Paula Daniela Rodríguez, Alejandro Pablo Arena, Bárbara María Civit, Roxana Piastrellini (Grupo CLIOPE, Universidad Tecnológica Nacional, Facultad Regional Mendoza, Argentina), tem como objetivo encontrar os principais aspectos que dificultam a comparação dos resultados de diversos estudos com abordagem de ciclo de vida de sistemas de produção de microalgas com fins energéticos, e propor recomendações que permitam harmonizar as escolhas metodológicas de futuros estudos.

Segundo os autores, a ACV tem sido utilizada para avaliar a produção de microalgas com fins energéticos. No entanto, desde a perspectiva energética e ambiental, não existem conclusões gerais sobre ela, não só pelas diferenças tecnológicas entre os sistemas estudados, mas também pelas distintas escolhas metodológicas adotadas pelos autores.

Já Rodolfo Bongiovanni (Instituto Nacional de Tecnología Agropecuaria, Córdoba) e Leticia Tuninetti (Instituto Nacional de Tecnología Industrial. Centro Regional Córdoba), buscaram conhecer os impactos ambientais gerados na produção de uma uma calça Jeans produzida na Argentina, através da ACV e detectar pontos críticos onde acontecem as principais contribuições para estes impactos com o artigo Avaliação do Ciclo de Vida de um Jeans produzido na Argentina. O estudo identifica os pontos críticos da cadeia, sendo um avanço na informação disponível para o setor algodoeiro argentino, que tenta fazer mais eficientes seus processos, sob uma perspectiva de sustentabilidade.

César Terán (Sócio-fundador e investigador de Himmel Sustainability Research) participa com o texto Impactos sociais dos aspargos no Peru: Identificação e avaliação de impactos sociais na fase de processamento de aspargos brancos frescos em La Libertad (Peru), utilizando a técnica de Avaliação do Ciclo de Vida Social (S-LCA), um estudo de caso de identificação e avaliação de impactos sociais na produção de aspargos brancos frescos no Peru, com a participação de uma empresa líder do setor de agroexportação.

“Neste segundo volume, a LALCA se torna de fato uma revista latino-americana. São exemplos de discussões metodológicas e aplicação da ferramenta na Argentina e estudo pioneiro da dimensão social da ACV no Peru. A ACV está acontecendo na nossa região e a LALCA deve ser o caminho natural para apresentarmos nossos avanços. Que venham mais artigos dos nossos outros vizinhos continentais!”, destacou Thiago Rodrigues, coeditor científico da revista.

A LALCA é concebida por uma equipe editorial formada por conceituados expoentes da pesquisa do tema na América Latina e Caribe – da Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, México, Peru e Uruguai –, e todos possuem forte atuação na pesquisa e gestão da ACV nos principais organismos nacionais e internacionais que fomentam a técnica.

As submissões para a LALCA são contínuas e analisadas por uma equipe multidisciplinar de especialistas, observando os princípios do rigor científico e a qualidade da pesquisa e podem ser realizadas pelo site da revista. Após um breve cadastro, é preciso verificar se o trabalho está em acordo com o escopo da revista e seguir os próximos passos explicados no momento da submissão. Serão aceitos artigos em língua portuguesa, língua espanhola, ou em língua inglesa, com resumos nas três línguas, obrigatoriamente.

Para ter acesso à LALCA, clique aqui.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn