Diálogos Setoriais Brasil e União Europeia: análise crítica das principais políticas de gestão, manutenção e uso de bancos de dados internacionais de inventários do ciclo de vida de produto

Publicado dia 17/11/2016

A pesquisa identificou e analisou 15 bancos de dados em diferentes países e traz recomendações para a política de gestão, manutenção e uso do SICV Brasil.

Autor:

Silva, Diogo Aparecido Lopes; Masoni, Paolo

Resumo
O projeto Diálogos Setoriais, uma parceria entre o Governo Brasileiro e a União Europeia, auxilia no desenvolvimento de ações estratégicas tanto para o Brasil como para a Europa. A ACV, enquanto tema de interesse de diversos governos, foi financiada em 2014, buscando aprofundamento técnico na temática no Brasil e fortalecendo a cooperação bilateral no tema. No ano de 2015 a cooperação entre os países foi continuada, com o objetivo de compreender como os países europeus, mais experientes na gestão de bancos de dados de ACV atuavam na definição das políticas de gestão, manutenção e uso de seus bancos nacionais. Para a concretização do estudo diversas empresas, foram ouvidas, a fim de identificar os principais pontos crísticos na visão empresarial. Além disso, 15 bancos nacionais foram analisados e suas metodologias de gestão levantadas. Ao todo, foram identificados sete bancos de dados (BDs) europeus (União Europeia, Alemanha, Itália e Suécia), quatro asiáticos (Japão, Malásia, Tailândia, China), três provenientes do continente americano (Estados Unidos e Canadá), e um da Oceania (Austrália). Desse total, 4 BDs foram estudados de forma mais analítica, subsidiando a pesquisa e permitindo que especificidades relativas à situação brasileira pudessem ser antecipadas, o AusLCI (Austrália), o ELCD (União Europeia) e o ThaiLCI (Tailândia). Os resultados serviram para melhor embasar o processo de desenvolvimento da política de gestão, manutenção e uso do Banco Nacional de Inventários do Ciclo de Vida – SICV Brasil, gerido pelo IBICT.

Referência Bibliográfica

IBICT. Diálogos Setoriais Brasil e União Europeia: análise crítica das principais políticas de gestão, manutenção e uso de bancos de dados internacionais de inventários do ciclo de vida de produto. Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia- Ibict, Brasília: 2016. 139 p.

Idioma
Português

Download: Diálogos Setoriais Brasil e União Europeia: análise crítica de BDs
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn